Habilidade Pessoais

Compartilhar em:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Fonte: andreas160578 | Pixabay.
Primeriamente, é preciso compreender que um programa de atividade física melhora a saúde biopsicosocial e espiritual da pessoa, sendo assim, é uma excelente medida terapêutica.
Uma pessoa que está imobilizada no leito pode realizar exercício isométricos que previnem a perda de massa muscular e previnem a osteoporose, muito comum em idosos ou em pessoas com restrições alimentares.
Sendo assim, planeje esse momento baseado nos seguintes aspectos:
  1. Identifique a indicação de fortalecimento muscular. Apesar de extremamente importante, é preciso que o indivíduo tenha uma certa estabilidade de seu quadro clínico antes de iniciar as atividades. Afim de não sobrecarregar o organismo que luta em se reabilitar após um quadro de infecção, por exemplo.
  2. Tolerância: olhe para a pessoa e perceba a tolerância dela. Indivíduos que perderam muito peso recentemente ou com doenças pulmonares, podem apresentar menor tolerância, de modo que precisam de programas mais leves, com exercícios alongamento e aquecimento. Comece devagar.
  3. Trace metas: crie uma sequência leve e estimule a pessoa a segui-la. Observe a tolerância e crie metas que aumentam de intensidade de acordo com o aumento da tolerância. Elogie. Solicite suporte de um educador físico ou de um fisioterpeuta caso não se sinta seguro.
REFERÊNCIAS
PERRY, Anne G. POTTER, Patricia A. ELKIN, Martha Keene. Procedimentos e Intervenções de Enfermagem. 8 ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2013.